Já falamos por aqui em inúmeros textos que a alma do marketing é a informação. Coletamos dados através de estudos, pesquisas e, é claro, acompanhamento dos clientes – e é sobre como fazer o melhor uso possível desses dados que vamos conversar hoje.

Para tirar uma maior vantagem dos dados de seus clientes, analise-os e disponibilize-os às pessoas certas. Dentro desses dados, foque nas questões realmente mais interessantes a seu negócio. Se possível, delegue essas funções a uma equipe específica, responsável por análise de dados.

A partir desses dados, identifique as principais necessidades da empresa e crie então agrupamentos de pessoas com diferentes frentes de trabalho, focadas em entender como as questões precisam ser entendidas, quantificadas e solucionadas.

Torne acessíveis esses dados. Certifique-se, é claro, de que eles sejam protegidos, mas, dentro da empresa, exporte-os em formatos de planilhas e gráficos para que sejam melhor entendidos e estudados. Ofereça relatórios baseados nesses dados para membros da equipe que estarão responsáveis pelas novas ações.

Os dados são mutáveis, lembre-se disso! É preciso estar sempre reanalisando, entendendo as novidades e acompanhado as transições dos clientes, suas novas demandas e todos os sinais de alerta emitidos por eles.

A partir deles, desenvolva estratégias de marketing sólidas e bem definidas para poder alavancar sua empresa de uma forma embasada – e esteja, é claro, atento a revisar sempre essas estratégias, que também não são imutáveis e devem estar sempre se modernizando.

WhatsApp Fale Conosco